Usuário:
 
  Senha:
 
 

Os Bertussi:
A Gaita do Falecido, de Viramundo

 

02/11/2005 13:18:53
UM CANTO AO GAITEIRO MORTO!
 
A morte leva o corpo do gaiteiro;
mas a alma do quera, esta não morre jamais!
............................................................................

O tempo estava quieto lá fora. O véu sebruno da noite estendera um tapete de luto no pago. No céu as estrelas bordavam, silentes, uma colcha de luz pra cobrir o finado. Uma ponta de tropa de nuvens ariscas espiava de longe no lado poente e em respeito ao defunto recolheu-se, ao tranquito, mugindo sua dor nos capões do infinito. No imenso Galpão do Universo o Patrão dos Patrões ordenava os encargos:  - Agoem a sala e acendam os candeeiros, preparem gamelas com fiambre campeiro e avisem a todos que o baile é dos bons! Num esquife de tábuas repousa sereno o corpo cansado do velho gaiteiro. No topo de um banco a gaita parceira soluça, em silêncio, velando seu dono. No bojo do fole se agitam segredos, querendo saltar através dos botões. E os baixos saudosos das mãos de veludo, na quietude da noite, parecem gritar: - Levanta gaudério, me toma nos braços e num jogo de fole faz troça da morte! Diz que é só por farra outro caso maleva, apenas um susto que estás a nos dar. Mala suerte o destino! Um homem que nasce com o dom de encantar não devia morrer e deixar na orfandade os acordes sagrados que os palcos do pago ajudaram a nascer. Mas o rosto calado de tantos campeiros gritam outras verdades nesta noite cruel. - Não é mais um sonho, não é mais um causo, não é mais um susto que o velho nos deu. Se foi o gaiteiro, calou-se a cordeona. E a voz dos bugios perdeu o maestro! Tranqueia, por certo, na estrada divina que leva às bailantas dos pagos de cima. Não mais se verão aqueles dedos ligeiros tirando do fole um gaguejar bochincheiro. E as grossas pestanas, sua marca sagrada, foram piruetas nos bailes do céu. Só resta pra nós conservar esta arte, que pra o velho, afinal, era quase um brinquedo. E o mais xucro segredo herdado dos ancestrais é que a morte leva o corpo, mas a alma, esta não morre jamais. Das seivas de uns renascem os outros trazendo na estampa o entono dos taitas; e os novos acordes serão gritos antigos das almas que voltam no bufo das gaitas! (Canto ao gaiteiro morto, de Ari Pinheiro).  Neste Dia de Finados elevamos o pensamento ao Patrão Velho buenacho das Alturas, onde se encontram os que já tranquearam casco nesta Tropeada da Vida, para que Ele ilumine e leve paz a todos. E aos gaiteiros, em especial, que proporcionaram alegria a tantos Viventes nas suas Existências Terrenas, e que tocam, agora, nos fandangos de ramada das Estâncias Grandes das Muitas Moradas do Patrão Velho do Céu, oferecemos uma das marcas fandangueiras dos Bertussi, com o compasso galponeiro da Tradição Regional dos Gaúchos Campeiros de nosso pago: o Rio Grande do Sul!

 

............................................................................
 
 
Nome:
Cidade:
Estado:
País:
E-mail:
(O E-mail não é Publicado no Comentário)
Sítio:
Comentário:
   
 
03/11/2008 20:35:23 José Itajaú Oleques Teixeira - Guará / DF - Brasil
Prezada Ângela Reis Hahn. O sítio Bombacha Larga agradece a tua honrosa visita e o comentário postado neste espaço cultural tradicionalista gaúcho. Em resposta, informamos-te que não somos uma Rádio On Line. Aqui respeitamos a distinção entre o que é só sul-rio-grandense, erroneamente taxado de "gaúcho", do que é tradicionalista gaúcho brasileiro. Aqui separamos o que é meramente comercial e a essência da Tradição do Rio Grande do Sul. Dessa forma, não poderemos atender ao teu pedido. Por ser tradicionalista, este sítio prima pelos temas relacionados à autenticidade dos antigos usos e costumes dos Antepassados Gaúchos Campeiros do Pampa Sul-rio-grandense. E como forma de melhor esclarecer-te a respeito de nosso posicionamento cultural regionalista-tradicional sul-brasileiro, explicamos-te que a grande maioria das músicas chamadas de "gaúchas" não são tradicionalistas gaúchas, isto é, não são da antiga Tradição dos Gaúchos Pampeanos do Rio Grande, sendo apenas músicas regionalistas sul-rio-grandenses. E embora algumas apresentem ritmos gauchescos tradicionais do Estado Sulino, no conteúdo não representam os usos e costumes da antiga e campeira Tradição do Rio Grande do Sul, esta toda ela formada pelos interioranos do Pampa Sul-rio-grandense e baseada na moral e nos bons costumes da família sul-rio-grandense da "campanha" do RS. Assim, só pelo título da referida música, embora possa ter um ritmo gauchesco, tudo indica que ela não fale dos temas relacionados à verdadeira Tradição herdada dos Gaúchos Campeiros do Pampa do Rio Grande do Sul. E sendo assim, por não ser Música Regionalista-tradicional Sul-rio-grandense, este espaço cultural tradicionalista gaúcho brasileiro não poderá executá-la, por tratar-se a mesma de apenas mais uma das muitas músicas comerciais que atendem aos interesses dos músicos e das suas gravadoras, mas não aos interesses culturais dos Tradicionalistas Gaúchos Brasileiros. E caso ela venha, por acaso, a ser classificada como Música Tradicional Gaúcha e for apresentada no Tradicionalismo, tal fato deverá ser entendido como mais uma das muitas fraudes que campeiam, hoje, junto à Tradição Gaúcha do RS e ao próprio Movimento Tradicionalista Gaúcho Brasileiro organizado. Portanto, prezada Ângela, lamentamos não poder atendê-la, pois procuramos primar pela coerência entre a nossa proposta institucional-cultural e a prática desenvolvida neste espaço tradicionalista gaúcho brasileiro. Com as Saudações Tradicionalistas segue o nosso fraterno e forte abraço a essa prezada Prenda Gaúcha!
Sítio: http://www.bombachalarga.com.br
02/11/2008 23:09:13 Ângela Reis Hahn - Novo Hamburgo / RS - Brasil
Olá! Estou sempre escutando esta Rádio On Line. Toca para nós a música Casa de Praia, de Ernesto Nunes. Um abraço bem gaudério!
Sítio: *****
02/11/2008 20:15:15 celso kogute - turvo / PR - Brasil
Parabéns pelo trabalho. Sou fã de todos estes artistas. Pena que esses músicos novatos estão acabando com a nossa cultura, mas acredito que logo esta juventude da música vai voltar às velhas origens, porque a grande parte da nação gaúcha não está gostando das suas músicas; e aqueles que gravarem no sistema antigo irão fazer muito secesso!
Sítio: http://ckogute.com.br
02/11/2008 10:54:43 Luiz Vinicius Petersen - GUAÍBA / RS - Brasil
Buenas amigos e amigas de todas as querências! É muito bom ver essas pessoas cultuando nossa tradição, por este Brasil a fora, e ver que os gaúchos não abandonaram a nossa Terra, fazendo até CTG fora do Estado e do País. Até chego a pensar, às vezes, que hoje temos mais tradicionalistas de verdade fora daqui, do Estado, porque aqui as pessoas estão um pouco descrentes nas nossas tradiçoes. Acho que é culpa dos que querem só mandar, mas não tá morto quem peleia!
Sítio: http://lvpetersen.blog.terra.com.br
02/11/2007 01:50:17 clovis p.larsen - campo grabde / MS - Brasil
Me senti como o som do fole destes escolhidos pelo patrão maior, impelido a reunir-me nas homenagens a todos os que já se foram; nas lembranças do Som do Sul me sinto em casa. "Que bueno que vocês existem"!
Sítio: http://bombachalarga.com.br
Listados 5 Comentários!
Untitled Document