Usuário:
 
  Senha:
 
 

Fogo de Chão:
Mulher Gaúcha

 

01/06/2006 01:09:52
O CONCURSO DE PRENDAS E A JUVENTUDE DO MTG BRASILEIRO!
 
Mariana Graziela Mallmann, 1a Prenda do RS, gestão 2006-2007,
e Janine Appel, 1a Prenda do RS, gestão 2007-2008
............................................................................

O Movimento Tradicionalista Gaúcho do Brasil tem por dever institucional-estatutário e obrigação moral formar Tradicionalistas Gaúchos Brasileiros. E para cumprir esse mister, seus dirigentes devem estar cientes de que o jovem, por natureza e influência mercadista, é um questionador e um desafiador do status quo. Essa condição, natural na adolescência, sempre foi alvo dos mais diversos tipos de oportunismo. O meio tradicionalista gaúcho não está imune a esse tipo de problema. Os Exploradores da Cultura Rregionalista-tradicional Gaúcha Brasileira, os Assassinos Culturais da antiga Tradição Regional do Estado e do Povo Gaúcho do Rio Grande do Sul, oriundos de um sistema econômico baseado no capitalismo selvagem e sem qualquer compromisso com a preservação da Identidade Cultural dos Gaúchos Brasileiros, aproveitam-se desse estágio transicional da juventude para formarem o seu almejado nicho de mercado. Entretanto, embora as ações do MTG Brasileiro organizado tenham sido, de uma maneira geral,  ineficientes no sentido de uma melhor orientação ao grande número de jovens frequentadores de suas Entidades Tradicionalistas filiadas, para que os mesmos não viessem a  ser vítimas dessas criminosas manipulações mercadistas, muitos deles conseguem, ainda, evitar as garras do referido, nefasto e inescrupuloso mercado. Esse é o resultado de um trabalho dedicado à Educação Tradicionalista. Por esta é que se aprende que Fazer Tradição é retransmitir, de geração em geração, usos e costumes tradicionais antigos, a literatura oral, o vocabulário, a música regionalista, as danças locais; as práticas campeiras reiteradas, enfim, a Cultura Regionalista-tradicional dos Antepassados Gaúchos do Pampa Sul-rio-grandense a jovens e adultos integrantes  do Sistema MTG Brasileiro, com a imprescindível coerência cultural regionalista-tradicional sul-rio-grandense e a necessária consciência tradicionalista gaúcha brasileira. É dessa forma que o antigo Patrimônio Sociológico-tradicional do Estado do Rio Grande do Sul seguirá adiante, tal qual fora recebido dos antepassados, para as novas e futuras gerações. Juventude culta é juventude que sabe, muito bem, o que é certo e o que é deturpação, importação, modismo, invenção, "integração" exploradora. Nesse particular, há que se admitir que as Prendas Gaúchas são mais instruídas que os Peões Gaúchos, no Tradicionalismo Gaúcho Brasileiro. O Concurso de Prendas permite que um grande número de gurias, desde muito cedo, passem a estudar os aspectos gerais da Cultura Regionalista-tradicional Sul-rio-grandense. Já os peões, poucos participam dos Concursos de Peões Farroupilhas, instituídos há não muito tempo no Tradicionalismo. Assim, pode-se afirmar que uma Prenda Gaúcha concursada, com faixa ou não, é um verdadeiro Esteio Cultural, aonde toda essa Herança Regionalista-tradicional encontra apoio para continuar viva e preservada, sendo retransmitida para as gaúchas e os gaúchos brasileiros, hodiernos e futuros, pelo transcorrer dos tempos. Muitas dessas Prendas, nos diversos níveis e nas diferentes Entidades Culturais, já deixaram suas valiosas contribuições para a continuidade da antiga Tradição Gaúcha Sul-rio-grandense, nessa prática da transmissão cultural às novas gerações. A todo o ano, nas Entidades Tradicionalistas Gaúchas do Rio Grande do Sul, outras recebem essa mesma oportunidade e essa mesma e grande responsabilidade. No Concurso Estadual de Prendas são eleitas as novas Primeiras, Segundas e Terceiras Prendas - das Categorias Adulta, Juvenil e Mirim - do Estado do Rio Grande do Sul. Todas, vencedoras e concorrentes, merecem os nossos cumprimentos pela dedicação e pelos importantes conhecimentos adquiridos e demonstrados nesses concorridos Concursos. É em eventos dessa natureza que o Movimento Tradicionalista Gaúcho do Brasil culturalmente se enriquece, quando parte de sua Juventude se torna mais Regionalista Sul-rio-grandense e muito mais Tradicionalista Gaúcha Brasileira!

............................................................................
 
 
Nome:
Cidade:
Estado:
País:
E-mail:
(O E-mail não é Publicado no Comentário)
Sítio:
Comentário:
   
 
01/06/2007 16:11:40 Cloé Mello - Campo Bom / RS - Brasil
Olá, queridas! Parabéns, Mariana, pelo belíssimo prendado que fizeste neste último ano; e parabéns à Janine, que no último final de semana conquistou o título de 1ª Prenda do Rio Grande do Sul. Gostei muito do texto de vocês, pois fala exatamente o que se vive no presente momento. Muito sucesso. Beijocas! Cloé Antonia de Mello - 1ª Prenda Juvenil do CTG Guapos do Itapuí - 30ª RT-MTG/RS.
Sítio: http://www.fotolog.net/clooh
Listado 1 Comentário!
Untitled Document