Usuário:
 
  Senha:
 
 

Grupo Minuano:
Linda Morena

 

10/07/2006 00:26:47
CHASQUE PARA O MATO GROSSO DO SUL!
 
Tradição Gaúcha Brasileira: culto, preservação e retransmissão
do antigo Patrimônio Sociológico-tradicional do Rio Grande do Sul!
............................................................................

E atenção, atenção, Alex Sandro M. Moreira e amigos, no Estado do Mato Grosso do Sul. O sítio Bombacha Larga, em resposta ao solicitado no comentário do dia 23 de junho de 2006, informa o seguinte: 1 - considerando que o Tradicionalista Gaúcho Brasileiro - aquele que preza muito, cultua, preserva, retransmite e corretamente divulga os antigos usos e costumes tradicionais do Povo Gaúcho do Pampa Sul-Rio-grandense - poderá assim agir sem necessariamente fazer parte de uma Entidade Tradicionalista oficialmente organizada e vinculada ao MTG Brasileiro; 2 - considerando que muitas Entidades Tradicionalistas negligenciam seus Estatutos e os Fins Culturais do próprio Movimento Tradicionalista Gaúcho Brasileiro a que estão filiadas, em benefício de determinados interesses pessoais, político-partidários, eleitoreiros, econômico-financeiros e comerciais de certos indivíduos e grupos; 3 – considerando que o mais importante para o culto, a preservação, a retransmissão e a adequada divulgação da Antiga Tradição dos Gaúchos do Pampa Sul-brasileiro são as reuniões festivas, o fogo de chão, a roda de chimarrão, os causos, as poesias, as danças galponeiras e folclóricas, a música regionalista-tradicional gaúcha sul-rio-grandense autêntica, a tertúlia, as lendas e as cantigas tradicionais, os seminários e as palestras culturais, o uso correto da Pilcha Gaúcha Oficial e de Honra do Estado do Rio Grande do Sul, prevista na legislação sul-rio-grandense e coerente com a história da indumentária herdada de nossos antepassados gaúchos pampeanos, o sentimento de apego às raízes, ao Torrão Nativo, ao Pago, e de valorização do antigo Patrimônio Sociológico-tradicional do Estado Sulino; e, dentre outras coisas, dos valores históricos, sociais, filosóficos e morais dos Antepassados Gaúchos Campeiros do Pampa do Rio Grande do Sul, como os da palavra empenhada, da convivência hospitaleira e fraterna, da dignidade pessoal, da liberdade, da coragem e da honra aos feitos históricos sul-rio-grandenses, é que esclarecemos aos jovens dessa comunidade que os mesmos poderão manter as atuais atividades culturais desenvolvidas, aprimorando-as quanto ao que estabelece a Carta de Princípios do MTG Brasileiro. Entretanto, se preferirem, poderão fundar um Piquete de Tradições Gaúchas - PTG, um Departamento de Tradições Gaúchas - DTG ou um Centro de Tradições Gaúchas - CTG. Se esta for a opção escolhida, a organização da futura Entidade Tradicionalista deverá se dar por meio de uma Assembleia Geral e da eleição da primeira Patronagem, devendo a questão do registro em cartório e a filiação da mesma a uma Entidade Tradicionalista Federativa superior ser decidida já no momento da Assembleia ou posteriormente pela Patronagem. Estaremos, em breve, postando no espaço “notícias” um modelo de estatuto, pois regras e organização são necessárias para a delimitação dos direitos e deveres de cada associado e dos objetivos norteadores da vida do novo Ente Tradicionalista Gaúcho. Todavia, como Entidade Cultural Tradicionalista organizada ou não, lembramos aos fundadores que os novos e futuros associados deverão ter a consciência de que a Cultura Regionalista-tradicional Gaúcha Sul-rio-grandense deve ser vivenciada na efetiva preservação da antiga Tradição dos Antepassados Gaúchos Campeiros do Pampa Sul-brasileiro, pois um dos maiores erros ocorridos no Meio Tradicionalista Gaúcho organizado é o de se reduzir a Tradição do Rio Grande do Sul a eventos mais comerciais do que tradicionalistas, como churrascos, bailões, premiadas disputas e jogos não condizentes com a verdadeira Tradição dos Antigos Pampeanos do Sul do Brasil, descuidando-se da devida conservação dos aspectos essenciais da Cultura Regionalista-tradicional Gaúcha Sul-rio-grandense. Dessa forma, diante do interesse revelado por esse Vivente e pelas informações referentes às atividades dos demais jovens do grupo, temos a certeza de que todos preservam e continuarão preservando as autênticas, as antigas Tradições dos Gaúchos Campeiros do Pampa do Rio Grande do Sul. Saudações Tradicionalistas e um quebracostelas cinchado a todos os integrantes do referido Grupo Tradicionalista Gaúcho, aos Sul-mato-grossenses e aos demais gaúchos desse progressista Estado do Mato Grosso do Sul!

 

............................................................................
 
 
Nome:
Cidade:
Estado:
País:
E-mail:
(O E-mail não é Publicado no Comentário)
Sítio:
Comentário:
   
 
10/07/2007 12:13:32 José Itajaú Oleques Teixeira - Guará / DF - Brasil
Prezado Leonardo. O sítio Bombacha Larga agradece a tua honrosa visita e o comentário postado neste espaço cultural tradicionalista gaúcho brasileiro. Em resposta, informamos-te que não há a necessidade de um grupo tradicionalista registrar-se em cartório ou de filiar-se a uma Entidade Federativa do MTG Brasileiro. O mais importante é estabelecer, desde o início, entre seus fundadores e seus associados, que todos devem estar comprometidos com a Filosofia Tradicionalista, com o necessário conhecimento de sua causa, ou seja, cientes dos postulados contidos na Carta de Princípios do Movimento Tradicionalista Gaúcho do Brasil. Para isso, a assinatura de um Termo de Compromisso que conste isso seria essencial! Portanto, de grande importância é a Consciência Tradicionalista de conservação da antiga Tradição dos Antepassados Gaúchos Campeiros do Pampa do Rio Grande do Sul, retransmitida de pais para filhos até os dias de hoje, por parte de todos os membros de um PTG - Piquete Tradicionalista Gaúcho, de um DTG - Departamento de Tradições Gaúchas ou de um CTG - Centro de Tradições Gaúchas, cujos objetivos primaciais são os de culto, defesa, preservação, retransmissão e correta divulgação das verdadeiras, das autênticas Tradições Regionais do Rio Grande do Sul; dos usos e costumes antigos, tradicionais, dos Pampeanos do Brasil. E, como um subsídio, sugerimos-te a leitura da matéria publicada no BL, encontrada no seguinte endereço eletrônico: http://www.bombachalarga.org/ver_materia.php?id=249 Com as Saudações Tradicionalistas segue o nosso cinchado quebracostelas a esse prezado Vivente e a todos os demais integrantes do grupo!
Sítio: http://www.bombachalarga.com.br
10/07/2007 08:54:50 Leonardo - Santa Cecília do Sul / RS - Brasil
Tchê, nós temos um grupo de cavaleiros, este já organizado e com estrutura; gostaríamos de ver a possibilidade de fazer um CTG. Tem muita burrocracia para tal, ou é mais simples? Um abraço a todos os gaúchos e gaúchas desses rincões à fora!
Sítio: *****
10/07/2006 09:50:26 MTG-MS - Campo Grande / MS - Brasil
Gostaríamos que o Bombacha larga, se possivel, solicitasse ao Sandro que entre em contato com o MTG-MS, para sabermos qual a necessidade dele e do seu grupo. SDS. Joao E de Mello - Presidente do MTG-MS
Sítio: *****
Listados 3 Comentários!
Untitled Document