Usuário:
 
  Senha:
 
 

Tchê Garotos:
Fandango no Texas

 

27/02/2008 08:33:02
AS VISITAS DO PRESIDENTE DA CBTG A SANTA CATARINA!
 
Banda Matusa: o Grupo Musical *Tradicionalista Gaúcho*
do Centro de Tradições Gaúchas Crioulos do Caverá!
............................................................................

O Presidente da Confederação Brasileira da Tradição Gaúcha - CBTG, pelas informações veiculadas na mídia, esteve visitando o Estado de Santa Catarina, ao longo do ano de 2008. E se por lá esteve, certamente que ele conferiu de perto a montaria em touros, que fez parte da programação campeira do 36º Rodeio Nacional do CTG Os Praianos, da cidade de São José-SC, realizado no período de 02 a 04 de maio. E de quebra, pode ainda bailar ao som da Banda Matusa, que esteve se apresentando durante o 5º Rodeio Crioulo Nacional do CTG Crioulos do Caverá, da cidade de Araranguá-SC, com início aos 28 de fevereiro e término no dia 02 de março, pois aquele Rodeio também estava previsto para ser prestigiado com a comitiva do Presidente do Órgão Máximo do Tradicionalismo Gaúcho Brasileiro organizado. Como se pode perceber, a programação foi bem gaúcha e campeira; e de acordo com os Fins Culturais do Movimento Tradicionalista Gaúcho Brasileiro! A comitiva, por certo, se lá presente, conferiu se as montarias em touros estavam conforme os Estatutos da CBTG e do MTG-SC, já que constava da programação do Rodeio do CTG Os Praianos o seguinte aviso: Fica terminantemente proibida a execução de qualquer tipo de música que não seja a tradicionalista ou sertaneja.  Obs.: TODAS AS PROVAS OBEDECERÃO AS NORMAS DO MTG-SC. Pergunta-se: o que aconteceu? O MTG-SC não age mais sob o Estatuto da CBTG? Agora o MTG-SC se tornou independente? E, afinal, quais são as normas para a montaria em touros? A CBTG, como Órgão Maior do Tradicionalismo Gaúcho Brasileiro, não poderia compactuar com essas barbaridades nem deveria fazer visitas de cortesias a esses CTGs, sob o risco de avalizar esses crimes de lesa-cultura regionalista-tradicional gaúcha sul-rio-grandense. Outra barbaridade é a comitiva da CBTG participar de um baile dentro de um CTG, em um evento do Tradicionalismo animado por grupos da Tchê Music. E outra, ainda maior, é essa mesma comitiva assistir às montarias em touros dentro de um Centro de Tradições Gaúchas; e, quem sabe, ainda entregar a premiação ao vencedor dessa modalidade estranha à Tradição dos Gaúchos Sul-brasileiros. Outra pergunta que não quer calar é: o MTG-SC encontra-se desfiliado da CBTG? Se isso ocorreu, aquela Entidade Federativa deve mudar o seu nome. Não pode mais usar a sigla atual. Mas se ainda continua filiado, por que a CBTG não põe ordem na casa? Por que deixar que a Tradição dos Gaúchos Sul-brasileiros seja pisoteada por alguns tradicionalistas de ocasião? Aonde está o cumprimento das regras estabelecidas no Estatuto Tradicionalista? Ou essa visita vem coroar a modalidade de montarias em touros nos Rodeios Crioulos Gaúchos do MTG Brasileiro, modalidade essa comum no Estado de São Paulo? Ou será que vem coroar de êxito o intento do MTG-SC de implantar a música sertaneja nos Rodeios Crioulos Gaúchos do seu Estado? Lembremos a todos que a referida música nada tem a ver com a autêntica música sertaneja, pois esta há muito que já foi sepultada pelo grande mercado musical. Hoje o que essa turma canta é uma mistura de country com qualquer outra coisa; com o que estiver fazendo sucesso no momento. Espera-se que a CBTG tome uma atitude enérgica no sentido de que esses descalabros não mais aconteçam dentro dos Centros de Tradições Gaúchas de seus MTGs filiados; dentro dos eventos do Tradicionalismo Gaúcho Brasileiro. Esperamos que os objetivos e os Fins Culturais do MTG do Brasil venham a ser cumpridos no MTG/SCe que não se vejam imagens de nenhum Tradicionalista Gaúcho da CBTG tentiando, num Centro de Tradições dos Gaúchos do Rio Grande, uma Gineteada em Touro!  (do colaborador do BL e Mangrulho do ONTGB no Sul do Brasil, Ademir Canabarro: um Missioneiro!) 

............................................................................
 
 
Nome:
Cidade:
Estado:
País:
E-mail:
(O E-mail não é Publicado no Comentário)
Sítio:
Comentário:
   
 
27/02/2009 11:16:11 liebe - ... / CE - Noruega
Sie haben eine schöne Seite!
Sítio: http://horrorhr.com/dvdshop/liebe/
18/05/2008 06:04:26 PEDRO NUNES - AMAMBAI / MS - Brasil
Faço parte do CTG Sentinela de Amambai e tenho um programa gaúcho "Unindo Tradições" na Rádio Auxiliadora FM 105.9. Quero mais detalhes sobre vocês, para divulgar na emissora. O site da Rádio é www.auxiliadorafm.com.br
Sítio: *****
09/05/2008 11:51:30 Ivan Rodrigues - Curitiba / PR - Brasil
Caso alguém tenha alguma dúvida sobre essa desvairada entidade "CTG" Os Praianos, vai aqui um endereço eletronico: www.oisaojose.com.br/out02/tradicaot02.htm). Observem os textos: "União que deu certo", "As máquinas de Rodeio Catarinense" e "uma grande recepção especial no RGS", tirem suas dúvidas e questionem essa "patronagem" de dar nojo! Gracias a todos!
Sítio: *****
24/04/2008 17:15:00 Ivan - Curitiba / PR - Brasil
Buenas! Muito bem observada a critica de Ademir sobre o “CTG” Os Praianos. Lastimável o que vem acontecendo em nossa querida Santa Catarina com fatos comprovadamente perturbadores para todos que amam as lides da Cultura Gaúcha. Aqui nos redutos Tradicionalistas de Curitiba, região Metropolitana e em algumas entidades do Norte Paranaense já é conhecida às afrontas dos Rodeios Nacionais de São José e outros. Motivo de preocupação no MTG-PR, pois se percebe uma polemica criada de forma irresponsável pela “Patronagem” dessa entidade de São José. É muito comentado nos meios tradicionalistas, o cancelamento de visitas de caravanas aos rodeios Crioulos da região litorânea de Santa Catarina, por esse e por outros motivos que não condizem com os ideais do Tradicionalismo. Tentei entrar em contato com essa entidade de São José, com intuito de obter explicações ou qualquer esclarecimento da relevante polêmica atribuída ao comando dessa Entidade, pois como tradicionalista acho de direito importante o questionamento das ações de quem deve zelar pelo nome da Entidade Tradicionalista a que pertence. Não obtive atenção adequada, e quando o tive, foi feita de maneira anti-profissional e arrogante. Só demonstra a falta de comprometimento e o desdém com as bases da educação Tradicionalista. “Em conversa com Toninho D’Ávila (Tradicionalista mui querido aqui dos pagos de Curitiba) sobre o “CTG” Os Praianos, ele me disse com seu jeito de sistema antigo:” Sova o coro dessa patronagem a mango “! Gracias
Sítio: *****
28/02/2008 10:12:18 joao - garopaba / SC - Brasil
Concordo com Ademir, pois está uma tremenda avacalhação tudo que se refere a Tradicionalismo. Não sou gaúcho, mas admiro esta tradiçao. Só que infelizmente hoje se vai a um baile no CTG e geralmente não têm mais aquelas músicas que realmente falam e cultivam a tradiçao. Ultimamente os conjuntos musicais que se perderam no sucesso estão trocando a bombacha por calças coladas, os lenços por brinquinhos, o chapéu por óculos escuros. E eu acho ridículo um conjunto que se diz Tradicionalista estar de óculos escuros, a partir das 23:00 horas. Até onde eu entendo, óculos escuros servem para o sol e não para a lua, rsrsrs... e a "baby look"? Que ridículo para se apresentar em um evento, tocando as músicas campeiras! concordam? E as músicas? Que pouca vergonha! Tipo, lá vai o meu amor, lá vai meu amorzinhu... Ridículo! E tantas outras... Os nossos companheiros, de alguns conjuntos, infelizmente, ao invés de tocarem e cantarem aquilo que dá sentido à tradição, mudaram o rumo para a profanidade na música. Penso que o MTG-SC deveria proibir tanta avacalhação, começando pelos bailes nos CTGs, pois se a sigla se refere a CENTRO DE TRADIÇÕES GAÚCHAS, o que tem a ver trazer para tocar em um baile conjunto sertanejo, tipo MATUSA e tantos outros? Acho uma pouca vergonha o que estão fazendo com o Tradicionalismo. Deveriam colocar à frente de uma comissao pessoas que realmente entendem o que se refere ao Tradicionalismo, pois só se dá valor àquilo que se conhece.
Sítio: *****
Listados 5 Comentários!
Untitled Document