Usuário:
 
  Senha:
 
 

Grupo Rodeio:
Cem Anos de Glória,
de Régis Marques

 

09/01/2010 00:11:46
O TRADICIONALISMO É PARA TRADICIONALISTAS!
 
Tradicionalismo Gaúcho Brasileiro: Tradição dos antigos Gaúchos
Campeiros do Pampa do Rio Grande do Sul!
............................................................................

Se há o politicalismo, que é de governos também, a corromper o maior bem com o draconiano abortismo; em prol desse mercadismo, com ato igual e desumano, tentam o assassínio insano do nosso Tradicionalismo! No meio do lodaçal, próprio da politicagem, vão acabando com a imagem de um Movimento Cultural, seu patrimônio local, seu fim regionalista, tornando-o comercialista, eleitoreiro e amoral! O mercado inescrupuloso elege o sem fronteiras, que depois abre porteiras com o apoio do mafioso e do numerário vultuoso da corrupção cultural, logrando a política local nesse círculo vicioso! Mas o vivente anarquista: boina importada e calça, cinta enfiada na alça, poderá ser um modista, mas não Tradicionalista; e se não o é que vá achar o seu espaço e fundar um Movimento Crioulista! Se há exibicionista de luto, com a cor preta, e camisa ou camiseta na cor forte do modista, a encantar o turista com matizes do carnaval, que vá fundar seu comercial Movimento Nativista! E para aqueles que vejo com o chapéu texano, bota com um palmo de cano, no estilo malfazejo, é sem medo que prevejo: esses deixarão de explorar o MTG, para fundar um Movimento Sertanejo! Pois no Tradicionalismo o palco é para a Tradição dos Campeiros do Rincão, para o seu Regionalismo, não para esse modismo dos que vendem ouro e luxo pra quem nunca foi gaúcho, só vítima do mercadismo! E quem tem o fim financeiro, comercial mercosurista e texano-paulista do alienígena vaqueiro, que não corrompa o pampeiro nem a sua Tradição, e respeite a instituição MTG Brasileiro! (MOVIMENTO MERCADISTA, de José Itajaú Oleques Teixeira)

............................................................................
 
 
Nome:
Cidade:
Estado:
País:
E-mail:
(O E-mail não é Publicado no Comentário)
Sítio:
Comentário:
   
 
NENHUM COMENTÁRIO ATÉ O PRESENTE MOMENTO!
Untitled Document