Usuário:
 
  Senha:
 
 

Os Serranos:
Orgulho do Sul

 

18/11/2013 15:32:19
POVO QUE NÃO TEM VIRTUDES ACABA POR SER ESCRAVO!
 
Tradição: antigo regionalismo; não modismo
ou estranho modernismo!
............................................................................

Libório, desacorçoado, fez a vaza na costela e engraxou o bigode; e destampando a panela serviu o carreteiro. Depois pegou na gamela um naco de pão caseiro, e lascou a churumela: - eu não vejo nenhum mal, se é desfile comercial tradição não tem tramela. Respondendo-lhe nas buchas Nicácio, encostelado, soltou os pés no Libório: - eu já estou pregueado de ouvir bocós de mola, vitimados do mercado, a defender essa plévia e todo esse descaso nesse cívico evento e seu grande mandamento: Data Maior do Estado. Lucrécio, que num churrasco nunca se fazia ausente, passou a prateada velha; e, já com o osso no dente, asseverou aos parceiros seu dilema de vivente: - pois, olha, seu, não é fácil, e quem disser que é mente, dizer não à imposição; se fizermos tradição eles desfazem da gente. Nicácio, de supetão, diz: - essa é a faceta do escravo do sistema, que segue, de meta e meta, a desmerecer o crítico que não mama na sua teta. Mas, depois, todos verão quem tem marca na paleta, quem é o criminoso, quem tem pacto com o tinhoso, o maula, o picareta. (PELEIA FILOSÓFICA, CIV-CVII, de José Itajaú Oleques Teixeira)

............................................................................
 
 
Nome:
Cidade:
Estado:
País:
E-mail:
(O E-mail não é Publicado no Comentário)
Sítio:
Comentário:
   
 
NENHUM COMENTÁRIO ATÉ O PRESENTE MOMENTO!
Untitled Document