Usuário:
 
  Senha:
 
 

Grupo Candeeiro:
Marca do Pago, de
João Pantaleão Gonçalves
e Pedro Neves

 

09/09/2008 21:28:38
MEU PALINHA GAÚCHO
............................................................................

 

 

Sou gaúcho do Brasil,

do Rio Grande sou um fã;

para o frio tenho na pilcha

o meu palinha da lã.

 

Muitas vezes, no calor,

usei o pala, sem assombro;

no primeiro chimarrão

o pala foi para o ombro!

 

Mas é no inverno do Sul

que o meu abrigo é de luxo;

não tem vento nem geada

pra o meu palinha gaúcho!

............................................................................
  Autor: José Itajaú Oleques Teixeira
Poesia enviada Por: José Itajaú Oleques Teixeira - Guará / DF
  Observações: Estamos postando esta poesia para piazitos, a pedido de nossas visitantes Taís, de Canoas, e Ângela, de Portão, RS...

 
Nome:
Cidade:
Estado:
País:
E-mail:
(O E-mail não é Publicado no Comentário)
Sítio:
Comentário:
   
 
Untitled Document