Usuário:
 
  Senha:
 
 

Tchê Barbaridade:
Dia do Gaúcho, de Marcelo do Tchê

 

10/06/2009 11:34:34
ESTIRPE GAÚCHA
............................................................................

 

O CRIOULO DO RIO GRANDE
TEM UM DEVER A CUMPRIR,
E POR ONDE QUER QUE ANDE
DA RAIA NÃO VAI FUGIR;
TRANCA O PÉ NA MACEGA
PRA DEFENDER O SEU FORTE;
ÍNDIO XUCRO NÃO SE ENTREGA:
PELEIA RINDO DA MORTE!
 
ASSIM É O TAURA CAMPEIRO,
QUE LEVA A ALMA NA ESTAMPA,
POIS RESPEITA O MUNDO INTEIRO
E O TERRITÓRIO ONDE ACAMPA;
MAS HONRA O SANGUE GUERREIRO
DE QUEM LUTOU PELO PAMPA!
 
BRIGOU DE GARRUCHA E LANÇA
COM MAIS ACERTOS QUE FALHAS;
NUNCA PERDEU A ESPERANÇA
DE VENCER CADA BATALHA;
CRUZOU POR MORROS E VALOS,
CORRENDO ATRÁS DA VITÓRIA;
COM AS PATAS DO SEU CAVALO
ESCREVEU TODA UMA HISTÓRIA!
 
ASSIM É O TAURA CAMPEIRO,
QUE LEVA A ALMA NA ESTAMPA,
POIS RESPEITA O MUNDO INTEIRO
E O TERRITÓRIO ONDE ACAMPA;
MAS HONRA O SANGUE GUERREIRO
DE QUEM LUTOU PELO PAMPA!
 
CAMPECHANO NÃO TEM MEDO
DE TAMANHO OU DE BARULHO;
DAS LUTAS GUARDA O SEGREDO,
DAS VITÓRIAS TEM ORGULHO;
E PRA QUALQUER GERAÇÃO
DEIXOU UM SUL DE ESPERANÇA,
UM MAPA INTEIRO DE CHÃO
E UM SANGUE BRAVO DE HERANÇA!
 
ASSIM É O TAURA CAMPEIRO,
QUE LEVA A ALMA NA ESTAMPA,
POIS RESPEITA O MUNDO INTEIRO
E O TERRITÓRIO ONDE ACAMPA;
MAS HONRA O SANGUE GUERREIRO
DE QUEM LUTOU PELO PAMPA! 
............................................................................
  Autor: Vanoci Marques
Poesia enviada Por: José Vanoci Alvarez Marques - Camaquã / RS
  Observações: Aos Grupos Musicais e artistas gaúchos interessados em gravar esta composição poética, o autor solicita que lhe enviem um chasque para o correio eletrônico vanocimarques2009@hotmail.com

 
Nome:
Cidade:
Estado:
País:
E-mail:
(O E-mail não é Publicado no Comentário)
Sítio:
Comentário:
   
 
Untitled Document