Usuário:
 
  Senha:
 
 

Os Monarcas:
Prece Telúrica, de Arabi Rodrigues
e Luis C. Lanfredi

 

18/05/2010 20:45:42
DAS PERDIDAS
............................................................................

 

Peleia

COUSA LINDA, NUMA PELEIA, UM VIVENTE QUE FLOREIA UMA ADAGA OU UM FACÃO: CALÇA O PÉ E NÃO RECUA, E MESMO TANDO NA PUA, ÀS VEZES, TROCA DE MÃO. POIS FOI UM VIVENTE ASSIM QUE ACHOU DE BATER MEU BRIM, NUMA RAMADA DE BOLICHO; MESMO SEM ACHAR MOTIVO, O HOMEM CISMOU COMIGO E SAIU NO MEU RABICHO. EU NÃO SABIA O PORQUÊ, SÓ OUVI ELE DIZER: AQUI SOU GALO DE RINHA! E, BUFANDO COMO UM TOURO, DE PRONTO ME DEU UM ESTOURO, ENVERGANDO MINHA ESPINHA. TENTEI PROCURAR ESPAÇO, PRA ME ESCAPAR DUM PONTAÇO. MAS O GOLPE FOI DE PERTO, NÃO CONSEGUI SAIR FORA; CAÍ ENROSCANDO A ESPORA, FICANDO A DESCOBERTO. UM ARRANHÃO NA ORELHA, UM RISCO NA SOBRANCELHA E UM PEGÃO NO NARIZ; A COUSA FICOU MAIS SÉRIA DUM BELISCÃO NA ALTÉRIA, QUE ESGUICHOU UM CHAFARIZ. DEBAIXO DO TEMPO FEIO EU ME TROMPEI COM UM ESTEIO, TESTAVILHEI, FUI AO CHÃO; LEVEI UM COICE NOS BAGOS, QUE VI O CÉU ESTRELADO NUMA MANHÃ DE CERRAÇÃO. EU JÁ ESTAVA BALOFO, ME TIRARAM ATÉ O MOFO DA PEITEIRA AO RABICHO. E, QUASE JÁ SEM SENTIDO, ME ESCAPEI DE TER MORRIDO; CHEGARAM “OS DEIXA DISSO”. FOI BEM ASSIM, MEUS SENHORES. AINDA HOJE SINTO DORES, QUASE ME FURARAM O BUCHO. APANHEI SEM DEVER NADA; E NOS BOLICHOS COM RAMADA, PASSA LONGE ESTE GAÚCHO! NÃO É QUE EU TENHA MEDO, POIS DÁ PRA CONTAR NOS DEDOS AS RUSGAS QUE ME DEI MAL. SEMPRE QUE POSSO, EVITO, POIS NÃO NASCI, ACREDITO, PRA UM DIA SER MORTO A PAU!
............................................................................
  Autor: Deroci Freitas de Moraes
Poesia enviada Por: Deroci Freitas de Moraes - Santa Maria / RS
  Observações:
Normalmente, as vantagens é que são contadas. Mas, se existe um vencedor é porque alguém foi vencido.
Então, está aí uma poesia que revela o outro lado. Mas não é por isto que um gaúcho deixa de ser gaúcho.
Deroci Freitas de Moraes
Visites o Blog do autor: http://lafora.arteblog.com

 
Nome:
Cidade:
Estado:
País:
E-mail:
(O E-mail não é Publicado no Comentário)
Sítio:
Comentário:
   
 
Untitled Document