Usuário:
 
  Senha:
 
 

Grupo Minuano:
Vamo rapaziada

 

24/07/2006 16:05:34
DESGARRADO
............................................................................

Adenir Paz da Silva

O flete do meu destino
se tornou um andarilho,
boleou-se fora dos trilhos
sem direção e sem rumo
e me trouxe junto pro mundo
me mostrando outra existência,
paragens, novas querências,
me viciando a ser andejo,
necessidade não é  desejo,
é questão de sobrevivência.

Me desgarrei do Rio Grande
levando uma carreta de sonhos,
deixei lá tropa de desenganos,
apartei uma ponta de esperança,
ajoujei minhas lembranças,
repontei tudo e vim para cá
tentando me aquerenciar.
Mas não é fácil, a la pucha:
esquecer minha terra gaúcha,
pois meu coração ficou lá!

É tristeza pro gaúcho
viver longe do seu pago,
tem a sede de um afago,
alguma coisa lhe falta,
é sua alma que lhe salta,
desembesta  e cabresteia,
é o desejo que ponteia
de um dia poder voltar,
pois cansou do seu andar,
saudade botou maneia.

Quando mateio solito,
o olhar perdido à distância,
montado na esperança
negaceio o meu destino,
e pra ganhar do teatino
atropelo o pensamento,
dou de luz no sentimento,
emparelho com a saudade
e ganho a felicidade
na carreirada do tempo.

Nos meus sonhos eu me engancho
no lombo do meu futuro,
é a vontade, pêlo duro,
que quer rever minha querência,
dou de rédea na paciência,
não fico mais pra estes lados;
saudoso, um caco e atirado,
largado pelas tabelas,
boto sebo nas canelas,
deixo de ser desgarrado.

Estou voltando pro meu pampa
tapado de judiaria,
aquilo que mais queria
tornou-se realidade,
vou me apartar da saudade,
me estou orelhando com a sorte,
o sentimento é mais forte,
não vou esperar que me mande:
Eu volto para o Rio Grande,
nem que seja após a morte.
(ADENIR PAZ DA SILVA – Brasília-DF - Out/2001)
............................................................................
  Autor: Adenir Paz da Silva
Poesia enviada Por: Adenir Paz - Brasília / DF
  Observações: Poesia do livro Tributo ao Payador, do poeta e declamador Adenir Paz.

 
Nome:
Cidade:
Estado:
País:
E-mail:
(O E-mail não é Publicado no Comentário)
Sítio:
Comentário:
   
 
Untitled Document