Usuário:
 
  Senha:
 
 

Os Filhos do Rio Grande:
Cheiro do Rio Grande,
de Darci Lopes

 

27/07/2006 09:58:07
TRIBUTO AO PAYADOR
............................................................................

Adenir Paz da Silva

Silêncio, eu peço silêncio,
um minuto de respeito....
Finou-se, não teve jeito,
foi sua última tropeada
iniciando a galopeada
rumo às Estâncias do céu.
Tombou sem choro ou escarcéu
o Monarca da Payada.


A vida negou-lhe estribo
no corredor da existência,
o tempo não teve paciência.
- Fechou-lhe a tranca da porta
que nem laço, que se envolta
pealando de uma só vez
e deixando pro freguês
só a ida, e não a volta.


O Velho, Deus, quis assim,
o qüera foi chamado,
e dum jeito abarbarado
o chimango se embretou
pelo longo corredor
que leva direto pro céu
de lenço branco e chapéu,
pilchado de bota e espora
enveredou horizonte afora
e foi juntar-se ao Criador.


O dia nasceu chumbado
num gesto de reverência
pra aquele que na existência
foi o Grande Payador,
poeta, declamador,
pêlo duro e missioneiro,
do Rio Grande o companheiro,
dos gaúchos o professor.

O minuano assobia triste
uma canção de lamento,
e com todo o sentimento
chora a perda do campeiro,
sopra forte e se faz ligeiro,
se perde nas invernadas,
vai repontando manadas
de nuvens no firmamento.

Os gaúchos choram em silêncio,
o Rio Grande está de luto.
Morreu o poeta culto,
senhor da linguagem e do vento,
que tinha no pensamento
a marca do nativismo,
exemplo de gauchismo,
tradutor de sentimentos.

Foi manancial e cacimba
da cultura Rio-grandense,
herança que nos pertence,
legado que nos deixou,
semente que germinou
enraizando no peito
a tradição e o respeito
que o poeta eternizou.

Por isto rezo esta prece
pela alma do vivente!
Que o Patrão onipotente
ilumine esse bagual,
não foi um gaúcho mau,
foi payador de verdade.
E eu rendo a minha homenagem
a Jaime Caetano Braum!
............................................................................
  Autor: Adenir Paz da Silva
Poesia enviada Por: Adenir Paz da Silva - Brasília / DF
  Observações:

 
Nome:
Cidade:
Estado:
País:
E-mail:
(O E-mail não é Publicado no Comentário)
Sítio:
Comentário:
   
 
Untitled Document