Usuário:
 
  Senha:
 
 

Grupo Fogo de Chão:
Gaúcho

 

23/04/2012 10:12:13
CHAPÉU TAPEADO
............................................................................

 

 

 


Tapeando o chapéu na testa
amplio a minha visão
e vejo no meu rincão
cada vez mais nativistas,
mais tradicionalistas
cultuando os que passaram,
os heróis que nos legaram
tantas e tantas conquistas.

São desses antepassados
que herdamos a tradição,
o amor pelo torrão
e o pensamento altivista,
o sentimento idealista
de buscar sempre a igualdade
e lutar por liberdade:
marcas de todo o sulista.

Vejo, também, os poetas
cantando a nossa querência,
demonstrando uma consciência
comum aos compositores:
enaltecer os valores
emergidos da História
e atiçar nossa memória,
na voz de guapos cantores,

que espalhados pelo pago,
nos espaços culturais
e em famosos festivais,
vão lançando a semente
da Tradição Rio-grandense
a jovens, que a passarão
de geração a geração,
num processo permanente.

Vejo Piquetes e CTGs,
todos na mesma harmonia,
a sociedade sadia
na diversão de um galpão;
a charla junto ao fogão,
rodeios – campeira lida:
gaúchos mantendo viva
a Chama da Tradição.

E tapeando mais, ainda,
a aba do meu chapéu,
vejo tremular no céu,
por toda a nossa Nação,
o Tricolor Pavilhão,
Trapo Sagrado da Terra,
que entre as cores encerra
o lema do Nosso Chão.

Liberdade, igualdade, humanidade:
três palavras liberais;
são farrapas, são atuais,
representam a verdade,
que foi fruto da vontade
de um povo valoroso,
que se preciso vai de novo
defender dignidade.

Por isso, eu me entono
ao ver minha bandeira no céu;
retiro logo o chapéu,
como um sinal de respeito.
Depois, com calma, ajeito
do lado do coração
um Chapéu de Tradição,
tapeado, dentro do peito!

............................................................................
  Autor: José Itajaú Oleques Teixeira
Poesia enviada Por: Bombacha Larga - Brasília / DF
  Observações:

 
Nome:
Cidade:
Estado:
País:
E-mail:
(O E-mail não é Publicado no Comentário)
Sítio:
Comentário:
   
 
19/10/2014 21:00:13 leticia rocha - camaqua / RS - Brasil
Parabéns...Linda Poesia!!!
Sítio: *****
09/12/2013 20:52:22 CARMEM SUZANITA T DOS SANTOS - CAÇAPAVA DO SUL / RS - Brasil
ADOREI A POESIA! LINDA! LINDA!
Sítio: *****
28/11/2012 09:18:35 Negro lua - Guaiba / RS - Brasil
Aspa do grilo, tchê!
Sítio: *****
06/05/2012 21:27:18 José Itajaú Oleques Teixeira - Brasília / DF - Brasil
Obrigado, Deroci, pelas gentis palavras. Um forte abraço!
Sítio: http://www.bombachalarga.org
05/05/2012 11:16:01 Deroci Freitas de Moraes - Santa Maria / RS - Brasil
Estão aí versos que fazem com que nossa História e Tradição se eternize. Parabéns!
Sítio: http://moraeslalfora.blogspot.com/
Untitled Document